SEAC-PR empossa nova diretoria

José Honório da Silva (Conselho Fiscal), Manoel Ribeiro Junior ( Suplente  e Diretor de Marketing), Adonai Aires de Arruda (Presidente), Ione Mari Veiga (Suplente de Conselho Fiscal ), Luiz Carlos Poli (Vice-Presidente), Paulo Germiniano de Oliveira (1º Tesoureiro), Rogério Bueno de Queiros (Suplente de Diretoria), Aldo Luis Coser (2º Tesoureiro), Ernani Norberto  Luiz de Miranda (Secretário e Diretor de Relações Institucionais ), Nelson Luis Marcondes  Bettega (Suplente Conselho Fiscal ), Eduardo N. Procopiak Filho (representando seu pai, Eduardo N. Procopiak – In Memorian) e Sidcley da Veiga (Conselho Fiscal).

José Honório da Silva (Conselho Fiscal), Manoel Ribeiro Junior ( Suplente e Diretor de Marketing), Adonai Aires de Arruda (Presidente), Ione Mari Veiga (Suplente de Conselho Fiscal ), Luiz Carlos Poli (Vice-Presidente), Paulo Germiniano de Oliveira (1º Tesoureiro), Rogério Bueno de Queiros (Suplente de Diretoria), Aldo Luis Coser (2º Tesoureiro), Ernani Norberto Luiz de Miranda (Secretário e Diretor de Relações Institucionais ), Nelson Luis Marcondes Bettega (Suplente Conselho Fiscal ), Eduardo N. Procopiak Filho (representando seu pai, Eduardo N. Procopiak – In Memorian) e Sidcley da Veiga (Conselho Fiscal).

A apresentação do Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho, SESMT, pioneiro no país, abriu a solenidade de posse da nova diretoria do Sindicato das Empresas de Asseio e Conservação no Estado do Paraná – SEAC-PR, realizada na última sexta-feira (21), no auditório da FACOP – Fundação de Asseio e Conservação do Estado do Paraná, em Almirante Tamandaré, região metropolitana de Curitiba.

A mesa de solenidade da posse foi composta pelo presidente do SEAC-PR, Adonai Aires de Arruda; Massasés Oliveira, presidente da FEACONSPAR (Federação dos Empregados das Empresas de Asseio e Conservação do Estado do Paraná), e Angelo Morena, presidente da ABRALIMP – Associação Brasileira do Mercado de Limpeza Profissional; Francisco Lopes de Aguiar, vice-presidente da Federação Nacional das Empresas de Serviços e Limpeza Ambiental – FEBRAC (região Sul); Miriam Carvalho, representando a Secretaria Estadual de Justiça, Wilson Cândido, da Itaipu Binacional, e Edson Schuler, da Planvale.

Ao falar em nome de toda a diretoria, Aires de Arruda, presidente do SEAC-PR, fez um breve relato das ações desenvolvidas durante os últimos quatro anos. Falou da importância de presidir um sindicato sério e transparente. “O setor de asseio e conservação está entre os três maiores empregadores do país e o primeiro empregador de mão-de-obra feminina. Nosso sindicato é hoje referência nacional e que nasceu de um sonho”.

Destacou que nesses 35 anos de atuação, o SEAC-PR se tornou sinônimo de ineditismo e ética, além do respeito aos trabalhadores e parceria com as empresas, demonstrando que  todos as realizações, vitórias e desafios buscam fomentar o entendimento do contratante do que é preço justo, da formalidade do emprego e do compromisso de manter a integridade do trabalhador.

Arruda lembrou que o setor de asseio e conservação emprega hoje mais de 50 mil pessoas no Paraná. Reforçou a luta a favor da aprovação do projeto de lei 4330, que regulamenta a profissão e a defesa do elevado papel social do setor nas áreas públicas.

Foram empossados Adonai Aires de Arruda, reconduzido à presidência do SEAC-PR e assumiu ainda as funções de delegado junto à Federação Nacional das Empresas de Serviços e Limpeza Ambiental – FEBRAC. Também tomaram posse Luiz Carlos Poli (vice), Ernani Norberto de Miranda (secretário e diretor de Relações Internacionais), Paulo Germiniano de Oliveira e Aldo Luis Coser (tesoureiros) e Manoel Ribeiro Junior (diretor de Marketing). Como suplentes da diretoria tomaram posse Manoel Ribeiro Junior, Rogério Bueno de Queiros e Alisson Pazinatto. O Conselho Fiscal terá como membros José Honório da Silva, Tadeu Margarida e Sidcley da Veiga, e como suplentes Ione Mari Veiga, Lucimeri Leone W Coser, Nelson Luis Marcondes  Bettega.

Sobre o SESMT Coletivo, os profissionais Geraldo Bezerra e Alexandre de Moura falaram a respeito desse serviço inovador, que está em funcionamento apenas no Paraná, há um ano, destacando também a importância da medicina e segurança do trabalho no setor de asseio e conservação.

“Não é apenas no Brasil, mas no mundo inteiro, as empresas se preocupam com o bem-estar do trabalhador e, principalmente, manter o funcionário saudável no ambiente do trabalho”, disse Bezerra. De acordo com ele, para isso é necessário ter ferramentas suficientes para trabalhar na base, prevenir doenças e preservar a saúde de seus colaboradores. Toda a atividade gera uma situação de risco e o setor de asseio e conservação está no nível de risco 3”.

Conforme explicou Bezerra, o SESMT Coletivo atua com uma equipe multidisciplinar integrada de técnicos de segurança do trabalho e enfermagem do trabalho, engenheiro de segurança do trabalho, enfermeiro e médico do trabalho. Em média, empresas que se preocupam com este trabalho preventivo chegam a reduzir em mais de 50% os gastos extras com funcionários.

Planejar uma ação prevencionista é o objetivo do SESMT Coletivo FACOP, que também visa a proteção e saúde do trabalhador, padronizando a atividade de segurança do trabalho a todos os setores. “Auxiliar as empresas a cumprir as normas regulamentadoras do Ministério do Trabalho, garantindo a integridade do colaborador, também é um dos objetivos”, acrescenta. Bezerra ainda detalhou a estrutura de atendimento e serviços em medicina e segurança do trabalho do SESMT Coletivo FACOP.

O encontro contou ainda com a coordenadora da FACOP, Cassia Almeida, que abordou as atividades da Fundação, e Edson Schuler, da Planvale, que, em seu pronunciamento tratou das ações da empresa de gestão de benefícios, detalhando a série de convênios disponíveis às empresas. Ele lembrou que a Planvale é um grupo de investimentos, sendo a quarta empresa do país no segmento de alimentação para o trabalhador e a primeira com capital totalmente nacional. Com 15 anos de mercado, a organização atua em várias cidades brasileiras, o principal diferencial é o atendimento: rápido e eficiente a todos os clientes. Também mostrou a linha de produtos básicos da Planvale como, por exemplo, cartões convênio alimentação e o de refeição. Informou que o grupo possui 5,2 mil clientes, 700 mil cartões em circulação e 55 mil estabelecimentos credenciados, totalizando 20 milhões de transações mensais. Ainda colocou a consolidação da parceria com os Armazéns da Família, gerenciados pela Prefeitura Municipal de Curitiba.