Mutirão do Jovem Aprendiz reúne cerca de 1 mil pessoas e vira modelo para outros estados

Cerca de 2 mil vagas no setor de serviços estiveram disponíveis durante evento

O Mutirão do Jovem Aprendiz realizado pelo SEAC-PR em parceria com a Secretaria de Trabalho e Relações com a Comunidade e outros sindicatos na área de prestação de serviços reuniu cerca de 1 mil pessoas na Agência do Trabalhador. A iniciativa surgiu com a dificuldade que o setor do asseio e conservação tem em recrutar jovens aprendizes para trabalhar no setor do asseio e acabou virando referência para o Ministério do Trabalho, que inclusive mandou representantes de Brasília para verificara ação.

“Esse movimento criado aqui é de suma importância e o Ministério do Trabalho tem total reconhecimento para que isso seja continuado e que possa não só repercutir aqui no Paraná, mas também em todas as unidades da federação como um exemplo de ação. Enquanto representante do Ministério do Trabalho estamos presentes no sentido de fortalecer essa ação e levar para o resto do país esse bom exemplo que vimos aqui”, afirmou Higino Brito Vieira, diretor do departamento de políticas de empregabilidade do Ministério do Trabalho.

No evento, o presidente do SEAC-PR, Adonai Arruda, lembrou da importância do setor de serviços e de que maneira este pode ser uma porta de entrada para o mercado de trabalho. “Essa é uma ação que pretende mostrar ao jovem que o setor de serviços oferece inúmeras possibilidades. Essa é uma ação que demonstra, sobretudo, a vontade que o setor tem de oportunizar ao jovem uma carreira digna e com todo o amparo exclusivo do asseio e conservação”, disse Adonai.

O Mutirão, que foi amplamente divulgado pela mídia, aconteceu com o apoio da Secretaria do Trabalho e Relações com a Comunidade, que cedeu toda a estrutura da Agência do Trabalhador para que o evento acontecesse. “Essa é uma oportunidade para o primeiro emprego, que se torna ainda mais vantajosa para o jovem tendo em vista toda a qualificação profissional que é oferecida nos programas. Essas oportunidades de emprego, aliadas à qualificação dão a chance do jovem iniciar sua carreira profissional” afirmou o secretário Paulo Rossi.

Ainda, durante o evento, o SEAC-PR e sindicatos parceiros assinaram um termo com a Secretaria no qual firmaram o compromisso com a Secretaria do Trabalho para a realização do Mutirão. Participaram também do Mutirão o Sindicato dos Empregados e Empresas de Asseio e Conservação (Siemaco), Sindicato das Empresas de Prestação de Serviços a Terceiros, Colocação e Administração de Mão de obra e de Trabalho Temporário do estado do Paraná (Sindeprestem/PR) e Sindicato dos Empregados em Empresas de Prestação de Serviços a Terceiros, Colocação e Administração de Mão-de-Obra, Trabalho Temporário, Leitura de Medidores e de Entrega de Avisos no Estado do Paraná (Sineepres/PR).